Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2008

Luz e Sombra

Conto de ALimaS

Meus olhos fitos na direção da porta, vazios, deturpando objetos, imaginando coisas... Formas estranhas que por vezes ganham vida, movimentam-se... Um som que zune dentro do crânio, ferindo-me por dentro, dilacerando-me aos poucos... E aquele vulto ali posicionado. A sombra ofuscando a luz que penetrava livre pela porta. A silhueta de um assassino, por certo, sondando o ambiente, percebendo que não há mais ninguém na casa, exceto esse trapo de gente que sou e que nada representa de perigo para ele... Que estará acontecendo, meu Deus?! Qual a intenção deste indivíduo?

Pela postura, suponho que me observa de forma... de forma ameaçadora. É... Ameaçadora. Que mais poderia estar fazendo aqui? Aguarda apenas o momento mais adequado para me atacar. Sim, só pode ser isso. Ah, meu Deus! E Chagas, que não viu o intruso, onde se meteu esse relapso?

Se ao menos eu tivesse como me erguer dessa maldita cadeira, apoderar-me da tranca... Oh, meus olhos esbugalhados, estas mãos …